Quatro dicas para não ser engolido pelo Mickey Mouse quando viajar para Orlando

Autor:

18 ago , 2015  

Parques, compras e hospedagem em Orlando: escolha bem e aproveite ao máximo

Você pousa em Orlando, o reino maravilhoso de Mickey Mouse na Flórida norte-americana, e tem à disposição tantos parques temáticos, hotéis e highways que fica atordoado. Como não se perder em meio a tantas seduções? Palavra de quem já esteve ali umas cinco vezes: respire, organize-se e aceite que você não conseguirá visitar tudo em uma viagem só. Priorize o que realmente te interessa, com base em algumas dicas espertas

Hospedar-se nos parques ou na International Drive?

Os hotéis em Orlando localizados dentro do Complexo da Disney são incríveis e permitem que você esteja o tempo todo no clima de fantasia. Possuem transporte próprio para os parques, e permitem entrar nas atrações antes de a bilheteria abrir. Mas custam mais caro, é claro. Em compensação, quem escolhe pernoitar nos hotéis à beira da International Drive, o grande corredor turístico que cruza Orlando, acaba conhecendo mais atrações fora dos parques – como o novo I-Drive 360, espaço de entretenimento onde funciona a roda-gigante The Orlando Eye e o museu de cera Madame Tussauds. Alugar um carro é fundamental para quem se hospeda fora.

The Orlando Eye_2_resized– The Orlando Eye-

– Seven Dwarfs Mine Train – Walt Disney World – 

Como escolher em quais parques ir?

Comece pelos mais importantes, quando você e a criançada estarão menos cansados. Para filhos pequenos, a primeira parada deve ser o Magic Kingdom (vá mais tarde se quiser ver o show de fogos sobre o Castelo da Cinderela no início da noite). Nos dias seguintes, para aguentar o calor, tente alternar um parque cansativo – como o Island of Adventure e Busch Gardens, em Tampa, cheios de montanhas-russas – com um parque light – caso do Animal Kingdom e Sea World. Epcot Center e os estúdios de Hollywood e Universal são outros clássicos essenciais, que todo mundo gosta de ir.

Onde e quando fazer compras?

É preciso ter tempo e estar descansado para bater pernas e pesquisar promoções nos muitos shopping-center locais. Tire um dia só para isso. O famoso Premium Outlets se tornou quase visita obrigatória: entre suas 180 lojas, há novidades como Diesel e DKNY. Outro mall fashion que tem de tudo é o The Mall at Millenia. Para artigos econômicos variados, vale a pena visitar hipermercados como Walmart, Kmart e CostCo. Eletrônicos? Dê um pulo na Best Buy.

The Mall at Millenia_resized

– The Mall at Millenia –

Quando é melhor e menos cheio?

Pateta, Homem Aranha e a baleia Shamu estão sempre lá, mas se você viajar no verão americano – de junho a agosto – vai disputá-los com muitos, muitos turistas, e sob um calor que faz lembrar o deserto do Saara. Outubro tem dias de Halloween divertidos. O período de novembro e dezembro é mais vazio e já decorado no clima de Natal – mas o frio vai inviabilizar parques aquáticos como o Wet’nWild. Maio e setembro são meses de meia-estação sempre estratégicos: clima bom e chance de abraçar, sem muvuca, o Mickey.

Últimas Posts

The following two tabs change content below.

Daniel Nunes

Jornalista brasileiro, visitei 38 países trabalhando como redator de Travel & Living, Lyfestile e Sports durante 24 anos. Nasci e me criei em São Paulo – o único outro lugar onde morei foi New York, onde passei dois anos. Viajar e escrever são as duas coisas que mais aprecio na minha vida. Amos as diferenças culturais e esse é o principal foco do meu trabalho.

Dicas de Viagem, Estados Unidos, Orlando

, ,